Sua clínica é uma empresa digital?

Ao considerar o risco, existem ameaças cibernéticas óbvias, mas também existe o risco de não ter planos para se tornar uma empresa digital.

 

O mercado da saúde tem sido historicamente um setor que lidera as discussões sobre tecnologia inovadora, mas, ao mesmo tempo, também é um setor que demora para implantar os avanços digitais. Do lado operacional, as equipes de saúde fazem parte de uma conversa contínua sobre eficiência operacional e sustentabilidade.

 

Do lado do paciente, a internet mudou a forma como todas as empresas interagem com o público. Sites e dispositivos móveis criaram interfaces importantes para as empresas, a mídia social forçou a responsabilidade e a análise tem sido um poderoso facilitador para as empresas tomarem melhores decisões de negócios com foco na saúde em todos os aspectos.

 

5 passos para migrar o seu financeiro para o digital

 

Onde estamos agora?

 

Iniciando a digitalização e modernização das clínicas e consultórios médicos, que agora estão integrando a tecnologia em muitos aspectos de seus negócios para otimizar tanto suas operações focadas internamente quanto às operações voltadas para o cliente. A título de exemplo, as empresas focadas na experiência do cliente estão aproveitando o poder da tecnologia e usando dados e análises para se adaptar às necessidades de seus clientes com base em dados coletados em tempo real.

 

A tecnologia está agitando rapidamente o mercado de saúde tradicional de maneiras que podem ser descritas como emocionantes e aterrorizantes. Felizmente para os investidores, essas interrupções também estão criando novas oportunidades para resolver alguns dos maiores desafios relacionados à saúde que o mundo enfrenta hoje.

 

Saúde: o panorama geral

 

O setor de saúde de hoje enfrenta muitos obstáculos que estão elevando os custos. A incerteza política e econômica, o envelhecimento da população e a crescente prevalência de doenças crônicas são fatores que contribuem para o esforço global para encontrar soluções de saúde mais econômicas.

 

Planejamento Tributário para Clínica Médica

 

Todo o setor de saúde, de seguradoras a fabricantes de medicamentos, está buscando oportunidades para reduzir custos por meio de tecnologias modernas. Isso está jogando em uma tendência mais ampla para uma abordagem mais personalizada e eficiente para a saúde. Para os gestores em saúde, algumas das encruzilhadas mais interessantes entre tecnologia e saúde podem ser encontradas em big data, segurança cibernética, mercados em desenvolvimento e parcerias estratégicas.

 

Big data

A coleta e armazenamento de grandes quantidades de dados médicos, possibilitados pelos recentes avanços tecnológicos, está ajudando os profissionais de saúde a melhorar a qualidade do atendimento médico, desde a pesquisa até o diagnóstico e tratamento.

 

10 aplicativos para médicos

 

O interesse dos investidores em startups de saúde digital que usam big data para melhorar a eficiência e a eficácia da saúde está aumentando. Essas empresas atraíram US$ 5,8 bilhões em financiamento em 2015, de acordo com a CB Insights – um aumento de 20% em relação ao ano anterior.

 

Cibersegurança

Embora a tecnologia esteja ajudando a modernizar o setor de saúde, também está criando novos desafios que precisarão ser abordados com maior urgência no futuro. Um problema é a crescente dependência mundial de tecnologia baseada em software de máquinas, aqueles que não são de nuvem, que pode colocar dados médicos pessoais em risco por violações de segurança.

 

O investimento em tecnologia de segurança cibernética cresceu 235% nos últimos cinco anos, atingindo um total de US$ 3,9 bilhões somente em 2015, de acordo com a CB Insights.

 

Pesquisa de satisfação do paciente

 

À medida que a tecnologia continua a atuar como um catalisador para a dinâmica do mercado em rápida mudança no setor de saúde. Da política aos pacientes e tudo mais, o setor de saúde está em constante evolução. O envelhecimento da população, os avanços tecnológicos e as tendências de doenças têm um impacto sobre os rumos da saúde. Como é crucial prestar atenção às mudanças na sociedade para entender para onde está indo a saúde.

Com a eMed, você tem todo o suporte para iniciar a modernização do seu negócio, do agendamento de consultas ao uso de dados para a tomada de decisão. Um sistema eficiente e que se adapta 100% ao seu negócio. Entre em contato agora mesmo e faça parte da transformação digital.

O novo paciente da era digital

A tecnologia da saúde apresenta uma mudança fundamental nas demandas dos pacientes da era digital em torno dos serviços de saúde. Historicamente falando, a saúde tem sido muito tradicional e resistente às novas tecnologias. Tanto médicos quanto gestores, sempre desempenharam um papel centralizador na tomada de decisões sobre a saúde do paciente, porém, com a pandemia, os pacientes da era digital entenderam que podem ter mais autonomia sobre isso. A nova tendência em direção a tecnologia da saúde está mudando drasticamente o cenário da saúde a esse respeito.

 

Mudança nas demandas do paciente

 

Pacientes da era digital mudam seus comportamentos e expectativas, e estão na vanguarda dessa transformação. Como destinatários passivos anteriores de serviços, os pacientes agora estão conduzindo sua própria experiência de saúde, tornando-se participantes ativos de sua própria saúde.

 

5 passos para migrar o seu financeiro para o digital

 

Devido ao melhor acesso às informações por meio de uma simples pesquisa no Google, o paciente da era digital está preocupado com a saúde e deseja entender o que há de errado com ele antes de entrar no consultório médico. Os pacientes agora esperam informações e transparência máxima em relação aos resultados prováveis, uso de medicamentos e preços.

 

Um estudo descobriu que cerca de 94% dos indivíduos pesquisam seu diagnóstico on-line e 50% vão para as respostas on-line ‘primeira coisa’ ao sentir um sintoma – essas estatísticas são aplicáveis ​​em todas as faixas etárias. O aumento do acesso à informação vem com a expectativa de maior controle de sua experiência de saúde.

 

Além disso, os pacientes da era digital estão assumindo mais custos com a saúde – o consumidor desempenha, portanto, um papel fundamental na tomada de decisões em torno de seus cuidados de saúde.

 

 

Pesquisa de satisfação do paciente

 

 

Essas mudanças nas expectativas dos pacientes da era digital em relação à transparência, conveniência e acesso estão levando os sistemas e médicos de saúde a mudar a maneira como interagem com os pacientes em todas as etapas do atendimento.

 

Tecnologia digital e saúde

 

A introdução da tecnologia digital na área da saúde desafiou os modelos tradicionais de prestação de cuidados e ofereceu serviços que realmente contribuem para os valores de uma experiência centrada no consumidor. As soluções de saúde digital ainda colocam o poder nas mãos do paciente e implementam estratégias que fornecem uma experiência do paciente que engloba maior acessibilidade, transparência e envolvimento do paciente.

 

 

Gerenciamento centralizado de dados clínicos

 

 

Aumentar a acessibilidade e a conveniência da prestação de cuidados é fundamental aos olhos do paciente. Os modelos tradicionais de assistência médica apresentam várias barreiras, incluindo: longos tempos de espera, processos de encaminhamento e aprovação de exames, consultas presenciais, processo de coleta e renovação de receitas, entre outros.

 

A tecnologia oferece aos pacientes a oportunidade de acessar informações a qualquer hora, em qualquer lugar. Ele permite que os pacientes se informem sobre todas as informações médicas confiáveis ​​​​necessárias, além de se conectarem com equipes de atendimento e profissionais de saúde com facilidade.

 

As estratégias de saúde digital também incentivam o empoderamento do paciente; outro valor-chave mantido pelo consumidor de saúde. A comodidade dos pacientes receberem planos de tratamento personalizados, acessarem seus próprios planos de atendimento e coletarem seus próprios dados de saúde ajudam os pacientes a se apropriarem e desempenharem um papel ativo em seus cuidados.

 

 

O que é Gerenciamento de Dados de Saúde?

 

 

A tecnologia na saúde envolve focar no usuário final e capacitar efetivamente o paciente com ferramentas para tomada de decisão e gerenciamento de sua própria saúde. Ferramentas digitais personalizadas para o indivíduo, como agendamento digital, telessaúde, prescrição digital, laudo na internet, ou seja, experiência de saúde envolvente e personalizada.

 

O setor de saúde deve adaptar e transformar a maneira como prestam cuidados para acomodar o paciente centrado no consumidor. Aproveitar as novas tecnologias e soluções é fundamental para prestar cuidados de forma conveniente e capacitadora.

10 aplicativos para médicos

Os funcionários da área de saúde estão sempre em busca de conhecimento. Desde a verificação dos pacientes até a consulta com outros funcionários, os profissionais de saúde nem sempre estão no consultório. E Ficar longe do computador de mesa pode dificultar o acesso dos médicos aos bancos de dados médicos e às referências de que precisam.

 

É aí que entram os aplicativos médicos. Os aplicativos médicos permitem que os profissionais de saúde obtenham os dados necessários para ajudar os pacientes, não importa onde eles estejam. Vamos dar uma olhada em 10 aplicativos médicos populares para profissionais de saúde e ver como você pode usá-los em sua prática.

 

  1. Medscape

Medscape é um aplicativo popular de notícias médicas. O aplicativo reúne os mais recentes artigos de pesquisa médica em uma plataforma única e fácil de navegar para médicos e estudantes de medicina.

 

Gerenciamento centralizado de dados clínicos

 

Embora o Medscape seja conhecido como uma fonte de notícias médicas, ele também se ramifica em áreas como calculadoras médicas, informações de segurança de prescrição, atividades de CME / CE e até mesmo uma rede de outros médicos.

 

Este aplicativo funciona em dispositivos Android e Apple. Depois de criar sua conta gratuita, você pode acessar instantaneamente a pesquisa de que precisa para se manter atualizado em sua área.

 

  1. VisualDx

VisualDx é um aplicativo de referência médica baseado em imagens que contém um vasto banco com diferentes doenças e condições.

 

Os médicos podem comparar facilmente a apresentação de seus pacientes com várias doenças. O recurso de pesquisa do VisualDx permite que os médicos insiram os sintomas de seus pacientes e descubram possíveis diagnósticos junto com imagens de referência.

 

O aplicativo requer uma assinatura para ser usado. Funciona em Android e iOS e está disponível em vários idiomas.

 

  1. Skyscape Medical Library

A Skyscape Medical Library oferece informações médicas relevantes para médicos, enfermeiras e outros profissionais de saúde. A biblioteca do aplicativo possui vários livros de saúde e fornece informações sobre medicamentos. Ele também inclui uma calculadora clínica.

 

O Impacto da Transformação Digital na Saúde

 

O aplicativo é gratuito, mas requer assinatura para alguns recursos. É compatível com iOS e Android.

 

  1. Epocrates

Epocrates é um aplicativo de referência médica especializado em informações sobre medicamentos. Ele oferece informações de prescrição e segurança, como as diferenças entre as doses para adultos e crianças, possíveis reações adversas e advertências. 

 

Epócrates funciona em Android e iOS. Você pode obter uma versão gratuita ou adquirir um plano de assinatura.

 

  1. PEPID

PEPID é uma referência médica que pode ser personalizada para médicos, enfermeiras e paramédicos.

 

As informações são projetadas para serem absorvidas rapidamente e usadas em campo, com listas com marcadores específicos do setor que fornecem o que você precisa saber. PEPID possui um banco de dados de medicamentos médicos, juntamente com calculadoras médicas e ilustrações.

 

Pesquisa de satisfação do paciente

 

O aplicativo pode ser usado em Android e iOS, bem como em Windows e BlackBerry.

 

  1. Lexicomp

Lexicomp, um aplicativo de referência de medicamentos, oferece acesso a mais de 20 bancos de dados médicos. O aplicativo tem informações abrangentes sobre medicamentos, como banco de dados de farmacogenômica, compatibilidade IV, escassez atual de medicamentos e conteúdo educacional para pacientes. Além disso, todas as informações são armazenadas em seu dispositivo, para que você possa usá-las mesmo quando não tiver acesso à Internet.

 

O aplicativo de referência é compatível com Android e iOS. Embora exija uma assinatura para uso, o aplicativo oferece uma avaliação gratuita de um mês.

 

  1. DynaMed

DynaMed é um aplicativo de referência médica que imita o mecanismo de pesquisa do Google, o que o torna fácil de usar. O conteúdo médico é revisado por outros médicos. O aplicativo sincroniza com sua área de trabalho, permitindo que você trabalhe de qualquer local.

 

DynaMed funciona em Android e iOS, mas requer um plano de assinatura para acessar.

 

  1. UpToDate

UpToDate é um recurso que os médicos podem usar para tomar melhores decisões clínicas. Esta referência médica permite que você baixe conteúdos relevantes de medicamentos e compartilhe-os com colegas.

 

Coworking médico: conheça 4 benefícios

 

O UpToDate é compatível com dispositivos Android e com dispositivos iOS. Requer uma assinatura (individual ou institucional) para usar.

 

  1. MDCalc

MDCalc é um aplicativo de cálculo médico que oferece mais de 550 ferramentas de decisão clínica. As calculadoras variam de calculadoras de dosagem a pontuações de risco para pacientes. Os médicos também podem receber créditos CME para revisar diferentes cálculos médicos.

 

O aplicativo é gratuito para uso. Tudo que você precisa fazer é se registrar e você poderá começar imediatamente. Para receber créditos CME por revisar diferentes calculadoras, você precisará de uma assinatura paga.

 

  1. eMed Mob

Acesse o prontuário eletrônico do seu paciente de qualquer lugar com o eMed MOB. Nosso sistema de gestão possui um App para te dar mais mobilidade. Acesse de qualquer lugar sua agenda online, o prontuário eletrônico do seu paciente, e o melhor, tudo de forma segura.

 

O app é compatível com Android e iOS e é gratuito para os clientes.

 

Os aplicativos médicos são ideais para um profissional de saúde em trânsito. Ao usar os aplicativos médicos certos, você pode ajudar seus pacientes com seu smartphone. Além disso, ter um sistema de gestão médica profissional, permite que você se concentre em estudos, no seu paciente e deixa a rotina do dia a dia mais fácil de ser administrada, como a redução das glosas, emissão de notas fiscais e assinatura de documentos de forma online.

 

Entre em contato com a nossa equipe comercial e entenda como nós podemos te ajudar a elevar o nível da sua clínica e/ou consultório médico em 2022.

O Impacto da Transformação Digital na Saúde

A tecnologia está transformando a maneira como as pessoas fazem operações bancárias, viajam e fazem compras. Mas, ainda não fez incursões significativas no setor de saúde.

 

A transformação digital na área de saúde é um bloco de construção de uma abordagem de saúde com foco no paciente. Ele ajudará os profissionais de saúde a otimizar as operações, entender o que o paciente precisa, construir lealdade e confiança e oferecer uma melhor experiência ao usuário.

 

Além disso, coletar e extrair dados fornecidos por comunicações digitais será valioso. Compreendendo as necessidades e comportamentos dos usuários-alvo, os gestores de saúde analisaram novas maneiras de agregar valor, construindo lealdade e confiança.

 

Como gestor de saúde, você deve entender que acompanhar a transformação digital na área de saúde pode ser opressor. Selecionar em qual tecnologia vale a pena investir pode ser um desafio para um líder de saúde. Adaptar-se à era digital significa evitar processos de negócios desatualizados e acreditar que a interrupção tecnológica trará resultados significativos.

 

Veja como diferentes tendências de tecnologia podem contribuir para a transformação digital no setor de saúde:

 

  1. Telemedicina

 

Pesquisa de satisfação do paciente

 

Lembra-se de quando você marcava uma consulta com o médico e esperava algumas horas no consultório ou na clínica? Depois de fazer os testes, você teria que esperar muitos dias para obter os resultados e voltar ao médico.

 

Felizmente, essa é a era passada.

 

Muitas soluções inovadoras estão transformando a maneira como os pacientes interagem com os profissionais de saúde. Da pesquisa de um médico ao agendamento de uma consulta virtual e comunicação com médicos por vídeo ou chamada de voz, as soluções de telemedicina permitem que as pessoas tenham acesso a profissionais de saúde sob demanda.

 

Um dos melhores exemplos de tecnologia de telessaúde são as consultas virtuais entre pacientes e médicos. Em áreas remotas ou rurais onde o acesso aos cuidados de saúde é limitado, as consultas virtuais facilitam a comunicação dos pacientes com os médicos. Pacientes que enfrentam desafios de mobilidade podem usar a telemedicina para interagir com profissionais de saúde.

 

A tecnologia de telessaúde também pode ser usada para gerenciar pacientes de alto risco e permitir que os profissionais de saúde rastreiem as condições e atividades do paciente remotamente por meio de sensores de saúde e dispositivos vestíveis. É essencial considerar que o aplicativo ou solução de telemedicina deve estar em conformidade com a legislação do país. 

 

  1. Usando Big Data na área de saúde

 

Big Data está transformando a maneira como analisamos, alavancamos e gerenciamos dados em todos os setores. A saúde é uma das indústrias promissoras onde pode ser implementada para evitar doenças evitáveis, melhorar a qualidade de vida, reduzir custos de tratamento e prever surtos de epidemias.

 

5 Passos para Implementar a LGPD

 

Os gestores de saúde podem coletar uma grande quantidade de dados e encontrar as melhores estratégias para usar os dados. O uso de Big Data na área de saúde pode ter resultados positivos e que salvam vidas.

 

Com as tecnologias emergentes, ficou mais fácil não apenas coletar dados essenciais de saúde, mas também convertê-los em percepções valiosas para fornecer um atendimento melhor. Usando insights baseados em dados, os profissionais de saúde podem prever e resolver um problema antes que fique tarde.

 

Vamos entender como o big data pode ser usado na área de saúde e quais os benefícios que ele oferece.

 

Alerta em tempo real

Big data em saúde facilita o planejamento estratégico. Os gerentes de saúde podem analisar os resultados dos exames dos pacientes em vários grupos demográficos. Além disso, eles podem descobrir fatores que desencorajam as pessoas a iniciar o tratamento.

 

Prevenindo Erros Humanos

Muitas vezes, constatou-se que os profissionais tendem a despachar um medicamento diferente ou prescrever um medicamento errado por engano. Big data pode ser usado para reduzir esses erros, analisando medicamentos prescritos e dados do usuário. Os dados de prescrição coletados de diferentes profissionais médicos podem ser monitorados usando a ferramenta de saúde big data. O software pode sinalizar erros de prescrição cometidos por qualquer médico e ajudar a salvar muitas vidas.

 

  1. Realidade Virtual

     

A realidade virtual é uma tecnologia que usa a simulação gerada por computador de uma imagem ou ambiente 3-D que permite a uma pessoa ouvir, ver e interagir usando equipamentos especiais, por exemplo, fones de ouvido.

 

A tecnologia cria um ambiente simulado onde os usuários podem mergulhar. Ao contrário das interfaces de usuário tradicionais, a RV leva os usuários a uma experiência virtual em vez de apenas exibir uma tela.

 

O setor de saúde está adotando a realidade virtual para oferecer melhores cuidados aos pacientes. Por exemplo, um dos pacientes estava recebendo quimioterapia todas as semanas por cerca de 6 anos para tratar o câncer de cólon. Ela costumava passar 4,5 horas durante a sessão de quimioterapia lendo livros, conversando ou assistindo TV.

 

5 práticas para profissionalizar sua gestão

 

Durante a infusão, às vezes ela queria ir à praia para relaxar. Infelizmente, ela não foi capaz de entrar na vida real, porque sua pele era muito sensível para sair ao sol. Mas a realidade virtual tornou seu sonho realidade ao simular um ambiente parecido com uma praia, onde ela podia sentir como se estivesse sentada na praia e aproveitando o sol.

 

A área de saúde ainda está em seus estágios iniciais de tecnologia; portanto, o setor de saúde começou a perceber onde pode ser usado e os desafios apresentados pela RV.

 

  1. Inteligência Artificial

     

A Inteligência Artificial simplifica a vida de médicos, pacientes e gestores de clínicas, realizando tarefas que geralmente são feitas por humanos a uma fração do custo e em menos tempo.

 

Desde encontrar ligações entre códigos genéticos até a condução de robôs que auxiliam cirurgias, levantamento de doenças crônicas e realização de avaliação de risco, a IA está reinventando e revitalizando a saúde moderna por meio de máquinas que podem compreender, prever, aprender e agir.

 

A IA oferece uma série de vantagens sobre a tomada de decisões clínicas e análises tradicionais. Os algoritmos de aprendizagem podem se tornar mais precisos e precisos ao interagir com os dados de treinamento. Ele permite que os humanos obtenham percepções sem precedentes sobre os processos de atendimento, a variabilidade do tratamento, os resultados e diagnósticos dos pacientes.

 

Aqui estão algumas das maneiras pelas quais a IA está posicionada para trazer transformação digital na área de saúde

 

Diagnosticar e reduzir erros

 

AI é uma das tecnologias mais interessantes que prometem melhorar os processos de diagnóstico. Grande número de casos e históricos médicos incompletos podem resultar em erros humanos mortais. No entanto, a IA pode ajudar a prever e diagnosticar doenças mais rapidamente do que qualquer profissional médico. Por exemplo, em um dos estudos, um modelo de IA usou algoritmos e aprendizado profundo para diagnosticar câncer de mama em uma taxa maior do que 11 patologistas.

 

Atendimento humanizado na sua clínica

 

Automatizando processos repetitivos

 

A tecnologia de IA está preparada para automatizar tarefas repetitivas do setor de saúde, liberando os administradores para trabalhar em tarefas de nível superior. De verificações de elegibilidade a migrações de dados e reivindicações não judiciais, tudo pode ser automatizado para que os funcionários possam enfatizar a oferta de um melhor atendimento ao paciente. 

 

Conclusão

 

A transformação digital é um processo contínuo e novas tendências estão surgindo no setor de saúde a cada dia que passa. Quando você busca a transformação digital na área de saúde, precisa pensar além da tecnologia necessária para impulsionar a inovação.

 

Você pode selecionar a tecnologia que deseja implementar para fornecer melhor atendimento ao paciente na lista de tecnologias acima com base em suas necessidades e requisitos. Se você deseja elevar a sua clínica médica a outro patamar, entre em contato e saiba como a eMed pode te ajudar nisso.

5 práticas para profissionalizar sua gestão

O conteúdo – 5 práticas para profissionalizar sua gestão, traz ações que devem ser priorizadas pelo gestor ou gestora e algumas dicas de ferramentas que podem facilitar e organizar o dia a dia da operação na clínica médica.

 

Na verdade, gerenciar clínicas médicas pode ser um desafio para os médicos. A gestão de consultório envolve várias responsabilidades simultâneas, como organização de dados, controle financeiro, administração de pessoal, marketing e experiência do paciente, entre outras.

 

Como muitos especialistas não possuem conhecimento técnico em administração de empresas, podem enfrentar dificuldades na área da gestão de clínicas médicas. Portanto, é fundamental o desenvolvimento de estratégias que garantam a praticidade e a produtividade do dia a dia, na movimentada rotina desses profissionais de saúde. Mais do que isso, ferramentas que auxiliam na ampliação dos serviços e na melhoria dos resultados.

 

Dicas para abrir a sua clínica médica

 

Clínica conectada: tenha uma Gestão Global

 

  1. Softwares médicos para organização de dados e acesso rápido

 

Hoje, os softwares médicos auxiliam na automação de todos os processos internos do consultório. O armazenamento de prontuários eletrônicos e dados de médicos, financeiros e administrativos, estão entre suas principais funcionalidades.


Dessa forma, o gerenciamento de clínicas médicas torna-se mais rápido e eficiente. A partir daí, também desobriga os profissionais que atuam em funções diversas e de escritório, além de estudar.


Por exemplo, alguns programas até enviam lembretes e pedem para confirmar a consulta com o paciente. Sem dúvida, é um grande benefício, pois é frequente o paciente faltar à consulta.


Hoje, com a ampliação da telemedicina no Brasil, também existem sistemas que oferecem teleconsultas, telediagnósticos, além de prescrições e certificados digitais. Tudo isso garantindo a segurança dos dados do paciente e o armazenamento em nuvem.

 

Digitalização na saúde – os benefícios de investir em tecnologia

 

  1. Serviço focado na experiência do paciente

 

Os avanços na tecnologia mudaram as relações de serviço. Atualmente, o cliente é o protagonista: ele tem mais poder de decisão em mãos e exige uma ótima experiência durante todo o processo de atendimento. Além disso, influenciam nas escolhas de consumo de amigos, parentes e seguidores na internet.

 

O paciente também se enquadra nesse cenário. Ele passa por uma jornada antes de chegar ao seu consultório. São, basicamente, cinco etapas: identificação dos sintomas, decisão pelo agendamento da consulta, busca do melhor médico, serviço de saúde e sua posterior avaliação.

 

É, portanto, fundamental compreender e mapear a trajetória do paciente, a fim de melhorar a experiência clínica. Consequentemente, aumentam as chances de adquirir mais pacientes e fidelizar mais.

 

Na verdade, eles relatam problemas fáceis de resolver. Confira algumas ações que aumentam a satisfação do usuário:

 

  • Possibilidade de marcação de consultas online;
  • Consultório confortável;
  • Evite atrasos;
  • Estabelecer um padrão de qualidade para os serviços;
  • Reduzir o tempo de espera entre as etapas da jornada do paciente;
  • Atendimento humanizado;
  • Investimento em tecnologias para um atendimento mais ágil e diagnósticos mais assertivos.

 

Experiência do paciente: O novo conceito para aderir hoje

 

  1. Boa gestão financeira

 

Sem dúvida, uma boa gestão financeira é um dos principais requisitos para evitar perdas e diminuir custos clínicos. Para isso, é necessário desenvolver um planejamento assertivo de despesas e investimentos.

Nesse sentido, é importante reconhecer e mensurar os recursos envolvidos em todas as áreas da clínica. Portanto, você terá os valores disponíveis para decidir que direção tomar e como aplicar cada um deles de forma eficiente.

 

Seguem algumas dicas para ajudá-lo nessa meta:

 

  • Tenha um controle adequado do seu fluxo de caixa;
  • Não misture contas pessoais e clínicas;
  • Automatizar processos internos;
  • Ter um bom planejamento financeiro;
  • Acompanhar despesas e receitas;
  • Use um bom sistema de gerenciamento de clínica médica.

 

Fluxo de caixa positivo: 4 dicas simples

 

  1. Gestão de Pessoas

 

Recrutar e reter talentos também é um grande desafio na gestão de clínicas médicas. Essa área também precisa de muita atenção, pois está diretamente ligada à experiência do usuário, por exemplo.

 

Portanto, algumas ações podem auxiliar na melhoria do trabalho da equipe. Confira:

 

  • Incentive a participação em questões estratégicas
  • Dê voz aos funcionários. Crie um ambiente onde ele / ela não apenas se sinta seguro para opinar, mas também motivado para debater assuntos-chave.

 

Oferecer programas de incentivo

 

Esta, aliás, é uma das medidas que auxiliam no engajamento e recrutamento de bons profissionais. Pode consistir em recompensas em dinheiro ou experiências de vida, como viagens, por exemplo, de acordo com o desempenho do funcionário e os resultados entregues.

 

Defina um plano de carreira

 

A estagnação da carreira é uma das principais desmotivação entre os profissionais. Portanto, ofereça um plano de carreira claro e atraente para que sua equipe conheça suas chances de desenvolvimento.

 

Invista em treinamento

 

Como o setor de saúde está em constante evolução, é fundamental que seus funcionários recebam treinamento em seu consultório. Além disso, essa ferramenta melhora a motivação e a qualidade do serviço, mais uma vez com reflexos positivos na experiência do paciente.

 

Educar os colaboradores para o uso de novas tecnologias é fundamental

 

  1. Presença digital

 

A ascensão da internet e das mídias sociais torna imprescindível que marcas e empresas estejam presentes e acessíveis aos clientes. Isso inclui seu escritório. A maioria dos pacientes busca na internet informações sobre os serviços. Portanto, vale a pena apostar em um site da sua clínica, além de perfis nas redes sociais como Facebook e Instagram. Afinal, hoje em dia essas são importantes ferramentas de comunicação para fidelizar o usuário.

Sem dúvida, a propaganda pode ser um aliado poderoso para aumentar a visibilidade da sua clínica e criar um vínculo de confiança com o seu paciente. No entanto, existem regras rígidas a serem seguidas à risca na hora de divulgar informações e serviços nesse setor.

 

Marketing Digital para Médicos: Você na era da internet

Apesar de ser uma função que precisa estar em constante aprimoramento, a eMed está aqui para te ajudar nessa missão. Há mais de 20 anos no mercado, com mais de 300 clientes satisfeitos, nosso software te trará inúmeros benefícios na gestão e organização da rotina da sua clínica ou consultório médico. Entre em contato com a nossa equipe comercial para saber mais do nosso produto.

Uma nova sociedade 60+

Devido à melhoria constante dos cuidados de saúde, uma nova sociedade 60+ está crescendo, a expectativa de vida está aumentando e, com isso, o envelhecimento da população.

 

“Entre 2015 e 2050, estima-se que a proporção de idosos do mundo quase dobrará: cerca de 12% para 22%. Em termos absolutos, esse é um aumento esperado de 900 milhões para 2 bilhões de pessoas com mais de 60 anos.” WHO

 

Este desenvolvimento está levando a uma mudança demográfica que desafia a sociedade. A faixa etária dos idosos é definida pela OMS como pessoas com idade cronológica de 65 anos ou mais. No entanto, a idade biológica e as condições físicas e mentais podem variar muito entre as diferentes pessoas dessa faixa etária. Ao todo, a população de idosos enfrenta diversos obstáculos no cotidiano e muitas vezes depende de suporte médico. Entender as necessidades e ter um plano para atender os idosos é fundamental em uma nova sociedade com essa nova característica.

 

Desafios de uma sociedade em envelhecimento

 

Quando uma melhoria na saúde permite um aumento da expectativa de vida, ela exige, ao mesmo tempo, inovações na saúde e no suporte médico. Como prevenir doenças antes que elas possam surgir é mais fácil do que curar as existentes, trata-se de melhorar os cuidados de saúde preventivos. Especialmente em países prósperos, a maioria das pessoas morre de doenças não transmissíveis, como derrames, ataques cardíacos e câncer.

Os exames médicos regulares podem ajudar a identificar as pessoas em risco e a agir preventivamente. Além disso, os idosos são mais vulneráveis ​​a doenças devido à diminuição do sistema imunológico. Além disso, doenças mentais como demência e depressão estão entre os problemas de saúde importantes que a população idosa enfrenta.

 

Enfrentando os desafios

 

Uma vez que o aumento da expectativa de vida também significa que o número de pacientes com doenças geriátricas aumenta e, consequentemente, mais e mais pessoas precisam de assistência no dia a dia, é importante encontrar soluções para enfrentar esses desafios. A fim de prevenir problemas de saúde da população idosa, uma abordagem multifacetada é importante.

 

Em primeiro lugar, um bom sistema de prevenção, incluindo exames médicos regulares, permite a detecção precoce de doenças e, portanto, permite um tratamento ideal. Além disso, os idosos e seus familiares devem estar atentos às possíveis doenças para identificá-las e iniciar um tratamento específico o mais precocemente possível.

 

Como um corpo saudável e forte, normalmente, a tendência é ser menos vulnerável a adoecer, um estilo de vida saudável ajuda a prevenir várias doenças geriátricas. Portanto, uma alimentação boa e balanceada, bem como exercícios regulares são importantes durante todos os períodos da vida. Uma vez que os idosos sofrem de restrição de mobilidade, é essencial que se exercitem regularmente para fortalecer o corpo e o sistema imunológico.

 

Uma boa assistência para mais qualidade de vida

 

Porém, mesmo uma boa prevenção e exercícios físicos e mentais regulares não podem interromper o processo de envelhecimento que acompanha a diminuição das capacidades físicas e mentais. Portanto, os idosos precisam do apoio de seus companheiros, bem como da infraestrutura que utilizam. Em uma sociedade em que os filhos geralmente deixam a casa dos pais quando são adultos, as casas de repouso estão se tornando cada vez mais importantes, assumindo a tarefa de acolher pessoas que não podem mais cuidar de si mesmas.

 

Uma vez que a acomodação em uma casa de repouso é muitas vezes considerada uma solução final que geralmente está paralisada, é essencial focar nas possibilidades que permitem que os idosos vivam com independência o maior tempo possível. Uma infraestrutura e transporte público amigáveis ​​aos idosos são tão importantes quanto o suporte de dispositivos domésticos para manter a qualidade de vida de uma sociedade em envelhecimento.

 

Como o sistema de gestão pode ajudar

 

Com as diversas ferramentas para o gerenciamento da rotina de uma clínica médica, é possível saber a data em que o paciente deve retornar, bem como os exames que o mesmo deve fazer e todas as informações para avaliação, já que o prontuário fica disponível na plataforma. Dessa maneira, não somente o médico, mas também as secretárias têm acesso e podem passar as diretrizes para a família do que fazer e quais providências tomar.

 

Além de dados e relatórios com as principais informações em tempo real, onde e quando você precisar. Quer uma demonstração gratuita do nosso sistema? Entre em contato e fale com um dos nossos consultores. Clique Aqui!

 

 

Solicite sua Demonstração AGORA!

No Sistema de Gestão para Clínicas da eMed, você encontra soluções que unem gestão de serviços, produto e atendimento personalizado. Conheça por que somos o mais completo software de gestão médica do Brasil!


eMed Tecnologia - Todos os Direitos Reservados | Politica de Privacidade